Pesquisar no blogue

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Agulha e Linha: carteira cinza

Quem viu os meus posts há umas semanas atrás, sabe que este Natal decidi lutar contra o consumismo e fazer a maior parte das prendas de Natal que iria oferecer. Nem sabia no que me estava a meter!... Cheguei a 2 conclusões:
  1. fazer as prendas fica mais caro do que as comprar feitas;
  2. devia ter começado pelo menos um mês antes;
A verdade é que cheguei ao Natal arrasada de cansaço e sono, pois com a azáfama da época e com o stress de fazer todas as prendas até essa data nos poucos tempos livres, fiquei com umas horas de sono em falta e não parei um minuto! E além disso, gastei uma pequena fortuna ao comprar o material necessário! Mas, por outro lado, sobrou imensa coisa que dará para futuras prendinhas ou outro uso.

Devo dizer que uma das vantagens deste processo (DIY gifts) foi ver nas notícias o stress da maioria das pessoas a correr para as lojas nas vésperas do Natal e eu no conforto do meu lar a fazer as prendinhas. Mas muito melhor do que isso é ver/receber a reacção das pessoas quando lhes ofereço algo feito por mim, seja pelo valor que lhe dão, seja pela originalidade do presente. Por isso mesmo, vou continuar a tentar, sempre que possa, oferecer algo feito por mim!

Uma das prendas que fiz este Natal foi esta carteira:


Sabendo que a futura dona gostava deste modelo e que estaria a precisar de uma nova (que mulher é que não precisa de mais uma carteira na sua colecção?!), avancei com o projecto.
Comecei por tirar as medidas a uma carteira que eu já tinha, fiz um molde e avancei com o corte das peças. O tecido que usei foi o mesmo da bolsa para o tablet (aqui) e da bolsa para os 3 telemóveis (aqui) e o tecido do forro foi um resto de tecido que tinha sobrado de outro projecto. 

As peças todas da carteira, por unir.
Comprei as alças e o fecho na retrosaria. Acrescentei um bolso interno, que dá sempre jeito para colocar o telemóvel ou algo do género, e depois foi só coser as 2 peças (forro + exterior), juntando o fecho.

As 2 partes principais da carteira: o tecido exterior e o forro.
O pormenor de ligação da alça à carteira.

No ultimo dia antes de entregar a prenda, recebi finalmente as minhas etiquetas personalizadas e já pude acrescentar este pormenor à carteira!
Não tirei foto ao resultado final com etiqueta, mas num destes dias mostro as etiquetas.













Resultado final:

A parte da frente da carteira, com um bolso grande para colocar uns extras (p. ex., chaves).
O interior da carteira, forrado, com um bolso grande.

4 comentários :

Bárbara disse...

Uau... Muito gira :)

Juliana Chiu disse...

A carteira ficou muito gira! :D

Silvia disse...

Quanto é que tenho de te dar para ter uma igual? Está o máximo!
Eu atrasei-me tanto nas minhas prendas feitas por mim que tive de criar uns 'vales' em scrapbooking que diziam que a pessoa que os recebesse tinha direito a uma prenda que chegaria mais tarde...(ideia da minha cara-metade que funcionou às mil maravilhas). Prometi a mim mesma começar este ano a fazer as prendas e os cartões de Natal em Agosto!

Lisa disse...

Silvinham, como eu te compreeendo!! Para o ano também vou ter de me começar a dedicar às prendas de Natal pra aí no Verão! LOL A ideia do Nico é genial! Mas, conhecendo-te como conheço, imagino que os proprios vales deram uma trabalheira descomunal porque devem ter ficado verdadeiras obras de arte =)