Pesquisar no blogue

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Duas de letra & Cogumelos

No passado sábado participei num workshop de criação de cogumelos em borra de café, proporcionado pela AmbiEduca no café "Duas de Letra" no Porto. 

Acabou por ser uma experiência duplamente interessante: primeiro, a razão pela qual me inscrevi, aprender a produzir os meus cogumelos em casa a partir de resíduos orgânicos, e segundo, conheci um novo espaço cheio de pinta para poder tomar um café ou comer uns petiscos.

 A AmbiEduca dá várias formações relacionadas com a área ambiental, como o nome indica, e este da criação de cogumelos é apenas um deles, que tem tido bastante sucesso em todo o país! Lá aprendemos (ou relembramos) o que são os cogumelos, e como podemos reutilizar um resíduo orgânico (neste caso, borra de café) para servir de substrato ao desenvolvimento deste apetitoso alimento. 


Cada participante teve a oportunidade de construir o seu próprio kit de produção de cogumelos para trazer para casa e daqui a umas semanas ter uma brilhante produção caseira de cogumelos comestíveis (esperemos!).

2 Kits de produção de cogumelos (o meu é o do lado esquerdo, weeee!)

O "Duas de Letra" é um espaço muito agradável, numa antiga casa do Porto, em frente ao jardim de S. Lázaro, e distribui-se por 3 andares. Quem entra, começa por reparar nos pormenores vintage de que este espaço está recheado: o balcão revestido a antigas portas de madeira, a bicicleta pasteleira pendurada no tecto, a lousa escrita a giz com os diversos petiscos disponíveis, os armários antigos, etc!

A lousa na parede, com os petiscos disponíveis.

O balcão revestidos de antigas portas de madeira.

Um cantinho dedicado aos mais pequenos.

A qualidade dos produtos é excelente! E têm menus muito interessantes, como por exemplo 1 café e 2 bolachas por apenas 1€ (que mimo!). Têm uma esplanada num antigo pátio nas traseiras da casa, e outros andares onde ocorrem formações, eventos e onde até funciona um atelier.

A esplanada no pátio.

Fiquei deslumbrada com os candeeiros de papelão, desenhados pela Mo.Ca., especializada em mobiliário de cartão, geniais!


E claro, já que estava ali ao lado, não podia dispensar a divinal sandes de pernil da tasca Guedes, na Praça dos Poveiros, mas isso merece um post exclusivo!! Como não tirei fotos a este petisco, vou ter de ir lá brevemente para fazer a reportagem fotográfica, que chatice!... :)



Café "Duas de Letra"
Passeio de S. Lázaro, nº 48
Porto



4 comentários :

Anónimo disse...

E produziram cogumelos apenas em borras de café? não sabia que seria possível, não teria também outra comida para eles?

Lisa disse...

Sim, é possivel, no entanto, não é a unica hipotese, pode-se usar uma mistura de borra de cafe com serrim ou outras pequenas aparas de madeira (desde que não seja de plantas resinosas). E tem que se juntar o micelio ("raizes") do cogumelo que se quer cultivar. É fantastico!

marco ferraz disse...

Que bom, vir a encontrar estas notícias ! Espero que a experiência tenha sido enriquecera. Obrigado pela partilha. Marco

Lisa disse...

Olá Marco! Obrigada pela visita e pelo "like" no facebook. E é obvio que a experiência foi muito útil e recomendável. Bons fungos! :)