Pesquisar no blogue

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Cozinha macaense

Como o mundo é feito de diversidade (felizmente!), temos no nosso círculo de amigos, uma querida amiga de origem macaense. Sempre que os pais dela vêm a Portugal visitá-la, isso significa para nós uma coisa: manjar-macaense-até-caír-para-o-lado em casa dela!
Felizmente para nós (e não para ela), os pais dela não vêm a Portugal todos os meses, senão teriam de começar a comparticipar a minha mensalidade no ginásio! :)

Adoro experimentar comidas diferentes (desde que não inclua insetos ou larvas, é o meu limite!), e por isso, fascinam-me estes jantares em que podemos viajar, na imaginação e no paladar, para o outro lado do mundo.

Deleitem-se com as imagens dos pratos que o pai dela preparou carinhosamente para nós. Pode parecer que seriamos umas 20 ou 30 pessoas à mesa, mas não, éramos apenas 8 pessoas... Agora é fazer as contas e imaginarem como saí de lá... a rebolar! :)







A sobremesa, uma espécie de pudim pegajoso de côco, que se corta em fatias e frita-se.

Aqui está uma amostra dos produtos que os pais delam trazem de Macau, para ela poder matar saudades dos sabores orientais.

Podem ter um aspeto apetecível, e alguns correspondem a isso, mas outros que aparentemente parecem ser rebuçados, na realidade são quadradinhos de peixe seco! Uou...
Deixem-me dizer-vos uma coisa: este pessoal de Macau gosta muito de derivados de peixe seco! :)



Obrigada à Ju e seus pais pela noite magnifica que nos proporcionaram! :)


Sem comentários :