Pesquisar no blogue

sábado, 1 de setembro de 2012

Quando for grande quero... vestir-me como a Laeriss!

Além de querer ter uma cozinha igual à de Miss Dahl (cliquem aqui para relembrar esse post), também quero vestir-me como a srª Laeriss!

E quem é esta senhora e o que é que ela veste? Boa pergunta!

Ora bem, começando pelo início, tenho de explicar que sou fã do estilo de decoração shabby-chic e french cottage, ou seja, em que se preenche uma casa com móveis e objetos arrecadados em feiras e mercados de artigos em 2ª mão, dando-lhes um toque rústico, mas o mais simples possível. Tudo isto acompanhado de pormenores vintage, de cores suaves (muito branco! como é o caso da cozinha de Miss Dahl) e muita madeira. No fundo, os móveis e objetos de uma casa são todos diferentes, mas em sintonia, e todos eles com muita história para contar.

Então, a minha constante procura de ideias e informação sobre esse estilo de decoração levou-me a este blog: Un coeur en Provence, que reúne a decoração, natureza e alguma culinária desta zona fantástica de França - Provença (para onde sonho viajar!).
Esse blog é de uma senhora chamada Laeriss, e como o nome do blog indica, vive na Provença (sortuda, grrr!) e gosta de nos espetar com fotos paradisíacas das cenas bucólicas do seu dia-a-dia. 

Se virem as imagens em que ela aparece, são capazes de repararem (as meninas se calhar reparam mais do que os meninos) nos trapitos que a Laeriss usa nas fotos. Para verem apenas as roupitas, cliquem na categoria Se Vêtir, se não podem ir desfrutando do todo o blog.

Imagens retiradas de Un Coeur en Provence.

Quando eu vi as roupas, fiquei intrigada e toca a pesquisar. Descobri então que ela é patrocinada por várias marcas de roupa deste estilo e foi aí que descobri também que estes trapos (é mesmo isso que parecem) não são para o meu bolso! A maioria das roupas que ela usa nestas fotos custa mais de 100€ por peça, o que é um pouquito puxado para uma comum mortal como eu. Que pena!...

Mas até percebo, vamos ver: além dos tecidos serem todos naturais e orgânicos (linhos, algodões, lãs e rendas), os modelos usam bastante tecido e são completamente fora do vulgar, exigindo muita trabalho à mão e muito tempo investido neles (penso eu!).




Aqui ficam os links das principais marcas deste estilo boémio-campestre-natural:





Bom, mas nada me impede de sonhar que um dia, quando for grande, vou vestir-me como a Laeriss, e viver numa cottage francesa, e passear pelos campos de Provença, e...
É tão bom sonhar! :)

Sem comentários :